Notícias

Orquestra Betodélica - Gabriel Pessoa (1) 15 de abril de 2014

Incluir shows inéditos em Pernambuco na programação do Abril Pro Rock é um dos objetivos dos organizadores do festival. Na edição deste ano, uma das apresentações que ainda não foi vista no Estado é a da Orquestra Betodélica, projeto musical capitaneado por Graxa, JuveNil Silva e Aninha Martins. Os 3 realizaram shows solos recentemente, no festival Rec-Beat, mas o que será apresentado no dia 25 deste mês não tem nada a ver com as performances individuais do Carnaval.

“A Orquestra Betodélica começou no final do ano passado com uma ideia de fazer um show na praça que fica em frente ao Teatro de Santa Isabel. A gente se juntou, montou um repertório, mas nem rolou a apresentação… O projeto ficou no ar, chegou aos ouvidos de Paulo André e ele resolveu colocar na programação do Abril Pro Rock. Vai ser o primeiro show dessa trupe esperta”, entrega JuveNil Silva.

A Cena Beto – nome dado para um coletivo de artistas solos e bandas que atuam em Pernambuco –  é uma das movimentações musicais mais significativas dos anos 2000. Vêm chamando a atenção para a produção musical do Estado, como há tempos não acontecia. Veículos de comunicação locais, mídias alternativas e até a imprensa do Sudeste, como o jornal O Globo, também tem dado destaque para a pluralidade estética da Cena.

Segundo o cantor e baixista Angelo Souza, conhecido como Graxa, “a Cena Beto é um coletivo individualista no sentido de expressões e criações. Cada um tem sua característica e seu estilo, mas sempre procuramos dar uma força uns aos outros através de uma infinidade de coisas que acontecem e que estão implícitas além do que se entende por música”.

A “superbanda”, além dos 3 nomes citados, terá em sua formação músicos de outros grupos que integram a Cena Beto como Jean Nicholas e a Bueiragem, Ex-exus, Dunas do Barato, D Mingus, entre outros. O show vai contemplar um repertório multifacetado dos discos lançados por estes grupos, apresentando um panorama musical híbrido dos “betos”. Tanto Graxa quanto JuveNil Silva, que conversaram com o Sons de Pernambuco, acreditam que a Orquestra Betodélica tem tudo para continuar após o show no APR.

A Cena Beto pode até ser uma novidade, mas diversos músicos que integram o coletivo já possuem trajetória musical. JuveNil e Graxa, por exemplo, tocaram juntos na extinta Canivetes há quase 10 anos. Aninha Martins integrou a banda experimental Sabiá Sensível entre 2007 e 2011, junto com Matheus Mota, ou seja, ninguém surgiu de uma hora pra outra. São artistas que estão na estrada há anos.

JuveNil Silva tocou no APR Club no ano passado, mas a maioria dos músicos da Orquestra Betodélica vai pisar no palco do Abril Pro Rock pela primeira vez. “Tocar no Abril é muito legal. Sempre tive vontade e agora vou conseguir. Então, é um sonho que eu vou realizar e que vai me ajudar muito no meu trabalho musical”, afirma Graxa.

A Orquestra Betodélica é JuveNil Silva (voz e guitarra), Graxa (voz e baixo), Aninha Martins (voz), Ricardo Maia (guitarra), Hugo Coutinho (teclado), Gilvandro Barros (bateria), Leo Vila Nova (percussão), Aline Borba (flauta e voz), D Mingus (guitarra e voz), Natália Meira (voz), Rodrigo Padrão (guitarra) e Jean Nicholas (voz e guitarra). Com toda certeza, será um dos bons momentos do Abril Pro Rock 2014.

JUVENIL SILVA

GRAXA

ANINHA MARTINS

Foto: Gabriel Pessoa.